Sorria Haiti- A nutrição começa pela boca.

Oferecer saúde e tratamento humanizado no país mais pobre das Américas.

Photo of Aline Rovaron
0 3

Written by

I confirm that I am fully aware of the eligibility criteria, and based on its description, I am eligible to apply to the CSV Prize 2017.

  • Yes, I'm eligible

Preferred language

  • Portuguese

Organization name

Sorria Haiti

Year founded

2016

Initiative stage

  • Growth (the pilot has already launched and is starting to expand)

Annual budget in 2017 (USD)

  • $1k - $10k

Number of beneficiaries impacted so far

  • 250 - 500

Organization type

  • Nonprofit, NGO, or citizen sector

Secondary Focus Area

  • Nutrition

Headquarters location: Country

  • Brazil

Headquarters location: City

São José dos Campos

Location(s) of impact

Haiti: Porto Príncipe

Website

http://sorria-haiti-odontologia-para-todos.webnode.com/

Facebook URL

Projeto Sorria Haiti

Twitter URL

@sorriahaiti

Problem: What problem is this initiative trying to address?

O Haiti não oferece serviços de saúde de qualidade, tão pouco orientações de higiene e nutrição. Os recursos não os mais escassos possíveis em todos os sentidos. As crianças, em sua grande maioria, se encontram subnutridas e/ou sofrendo com alguma doença de ordem infecciosa.

Solution Summary: What is the proposed solution? What do you see as its most promising aspects for creating shared value?

A proposta do Sorria Haiti é criar um espaço de atendimento a população haitiana. Nesse espaço a idéia é ter consultório odontológico, médico, salas para palestras e uma cozinha para cursos profissionalizantes e palestras educacionais com temas pertinentes como : :A correta higienização dos alimentos", "Cozinhe com o que o Haiti tem de melhor", "Como tornar a água de poço segura para o consumo" entre outros assuntos.

Impact: What is the impact of the work to date? Specify both the social and the environmental impact of your work

Com dois anos de projeto, cerca de 300 criancas e 80 adultos ja foram contemplados com serviços odontológicos como endodontia (tratamento de canal), cirurgias, restaurações entre outros. Nas consultas sempre há orientações gerais sobre nutrição e higiene, porém ainda estamos captando profissionais e recursos para que isso seja oferecido de forma mais incisiva.

Financial sustainability plan: How is this initiative financially supported? How will you ensure its financial sustainability long-term?

Doações individuais

Unique value proposition: What makes your initiative innovative? How does your project differ from other organizations working in the same field?

O que torna esse projeto inovador :
1- A localização: O Haiti é um país com problemas estruturais básicos. O país é 100% sem água tratada e a energia elétrica é precária, a população raramente tem energia elétrica, vive na escuridão quem nao tem gerador. Esses problemas dificultam a implantação de projetos, o que torna o Sorria Haiti um dos poucos projetos que conseguiu sair do papel nessa região.

2- Projeto Multi disciplinar :Vemos ser humano como um todo. Há serviços variados.

Founding story: Share a story about the "Aha!" moment that sparked the beginning of this initiative.

Deu- se atraves de uma imagem que vi projetada num telão após uma celebração.
Na imagem havia uma criança negra bem magrinha carregando com muito esforço outra criança menor (também aparentando estar com a saúde bem comprometida) nas costas.
A imagem vinha acompanhada da seguinte frase:" Não é um peso, é meu irmão."
Essa foi a resposta da criança mais velha ao fotógrafo quando o mesmo lhe perguntou como ele aguentava carregar tanto peso mas costas.
Foi dito que essa situação havia acontecido no Haiti e isso chamou minha atenção para esse país, comecei a pesquisar sobre.
Ao tomar ciência da situação que o país vivia eu comecei a pensar em possibilidades para ajudar. Depois disso, a vida me presenteou com várias "coincidencias" que resultaram na minha primeira visita ao país em 2016.

Where did you hear about the Nestlé Creating Shared Value Prize?

  • Social media

0 comments

Join the conversation:

Comment