Sumá

Plataforma de comercialização justa da agricultura familiar que conecta produtores qualificados com compradores regulares de alimentos.

Photo of Alexandre Leripio
2 2

Written by

I confirm that I am fully aware of the eligibility criteria, and based on its description, I am eligible to apply to the CSV Prize 2017.

  • Yes, I'm eligible

Preferred language

  • Portuguese

Organization name

Bona Fides Ltda ME

Year founded

2016

Initiative stage

  • Growth (the pilot has already launched and is starting to expand)

Annual budget in 2017 (USD)

  • $10k - $50k

Number of beneficiaries impacted so far

  • 50 - 100

Organization type

  • For-profit

Secondary Focus Area

  • Nutrition

Headquarters location: Country

  • Brazil

Headquarters location: City

Balneário Camboriu/SC

Location(s) of impact

Luis Alves/SC, Camboriu/SC e Balneário Camboriu/SC
Pelotas/RS, Morro Redondo/RS, Canguçu/RS e Rio Grande/RS

Website

www.appsuma.com.br

Facebook URL

https://www.facebook.com/sumapptecnologia

Problem: What problem is this initiative trying to address?

Agricultores familiares produzem cerca de 70% dos alimentos consumidos pelos brasileiros, no entanto são o elo mais frágil de uma cadeia longa que remunera mal o agricultor e fornece alimentos sem procedência e com baixa qualidade pelo manuseio e tempo decorrido entre colheita e consumo. A falta de qualificação para acesso a mercados justos por agricultores familiares e a falta de fornecedores locais de alimentos frescos, saudáveis e rastreados para compradores regulares são os principais problemas que o Sumá resolve.

Solution Summary: What is the proposed solution? What do you see as its most promising aspects for creating shared value?

O Sumá quer resolver o problema por meio de uma plataforma criada para auxiliar compradores públicos e privados de grandes quantidades de alimentos a se conectarem com agricultores familiares qualificados e promover a aquisição de alimentos produzidos localmente, saudáveis e rastreados.
A plataforma propriamente dita é modularizada, onde pode-se destacar:
- Módulo de Avaliação de Agricultores
- Módulo de Qualificação de Agricultores
- Módulo de Comercialização
- Módulo de Elaboração de Cardápios e Pedidos
A jornada do agricultor qualificado inicia na avaliação de atendimento de requisitos. Caso ele atenda as exigências mínimas dos clientes-alvo, ele abre sua "loja virtual"e passa a comercializar pelo Sumá. Caso não atenda os requisitos, passa por uma qualificação com apoio dos Cadernos de Normas e formulários associados, disponíveis em versão eletrônica (com aplicativo off line e sincronização) e impressa para os agricultores não incluídos digitalmente.

Impact: What is the impact of the work to date? Specify both the social and the environmental impact of your work

Em nosso primeiro mês de operação (foi lançado em SC em 15/09/2017) iniciamos com 8 agricultores e 3 compradores de SC. Lançamos o Sumá no RS na Feira de Sementes Crioulas de Canguçu, Capital Nacional da Agricultura Familiar e em 16/10/2017 tínhamos 52 agricultores e 16 compradores na base, além de duas cooperativas (CAF-Sul e UNAIC) com um total de 860 agricultores. A partir da divulgação do lançamento do Sumá nas redes sociais, temos manifestações de interesse no Paraná, no Acre, em São Paulo e em Pernanbuco. Atingimos as metas de captação de agricultores previstas para final de 2018, sendo o desafio do momento realizar as conexões propriamente ditas. Até o momento foram comercializados menos de 5 mil reais pela plataforma, mas o estoque inicial de produtos que era menor que 10 mil reais, atualmente contém cerca de 1,2 milhões de reais em produtos. Quando em operação, o Sumá consegue remunerar melhor o agricultor e prover alimentos mais fresco e mais barato aos compradores regulares.

Financial sustainability plan: How is this initiative financially supported? How will you ensure its financial sustainability long-term?

Apesar de já termos recebido verbas de editais e doações de familiares, nossa sustentabilidade financeira deve ser proveniente de receita própria decorrente de vendas. O modelo de Negócios do Sumá prevê duas formas principais de monetização, definidas com base em pesquisas, entrevistas e pivotagens junto aos usuários. O modelo “freemium” será adotado para agricultores familiares que pagam mensalidades a partir de um volume de vendas pela plataforma. Compradores públicos pagam mensalidades de acordo com o número de beneficiários finais (alunos, por exemplo) no modelo SaaS. Compradores privados pagam taxa sobre o valor transacionado. Ainda existem monetizações previstas, porém de menor representatividade para as atividades de qualificação de extensionistas e qualificação de agricultores.

Unique value proposition: What makes your initiative innovative? How does your project differ from other organizations working in the same field?

Os diferenciais do Sumá estão em unir em uma mesma plataforma informações do campo, tais como a sazonalidade, rastreabilidade e disponibilidade para nutricionistas e compradores que elaboram cardápios e efetuam pedidos. Em razão do escopo abrangente de suas funcionalidades, realizamos avaliações comparativas com as principais soluções, convencionais e inovadoras, e concluímos que o Sumá (ainda) é único na medida em que oferece uma solução integrada “de ponta a ponta na cadeia B2B de alimentos.

Founding story: Share a story about the "Aha!" moment that sparked the beginning of this initiative.

A motivação para empreender se deu quando os sócios fundadores, que possuem histórico de atuação na agricultura familiar, após participarem de diversos projetos setoriais em parceria com o SEBRAE, perceberam que os agricultores familiares em geral possuem dificuldades de comercialização e são muitos (no Brasil 5,1 milhões de propriedades rurais, com população rural estimada em quase 30 milhões de pessoas – IBGE/2010, que produzem cerca de 70% dos alimentos consumidos pelos brasileiros – SEAD/MDSA/2017), visualizamos uma oportunidade de aproveitar as experiências anteriores, empreender e gerar impacto.

Where did you hear about the Nestlé Creating Shared Value Prize?

  • Social media

2 comments

Join the conversation:

Comment
Photo of Mouhamadou Moustapha Seck

O objetivo principal desta organização é a de agregar valor aos seus produtos, reduzindo a cadeia produtiva e estabelecendo relações de proximidade com os consumidores. Em 1999 surgiram as cooperativas descentralizadas de agricultores familiares, as quais processam os produtos nas propriedades rurais e buscam vende-los diretamente aos consumidores, praticando o que se chama de “mercado de cadeia curta ou mercado de proximidade”. As vendas são feitas, em pequenos mercados locais, em bares e restaurantes e em feiras populares. Isso propicia que os agricultores consigam se apropriar da parte do valor que até então ficava com os intermediários do negócio.
 Em 2003 criou-se o Programa de Aquisição de Alimentos, vinculado ao Ministério do Desenvolvimento Agrário, o qual possibilita a venda de R$ 20.000,00 por família, sem licitação, em produtos alimentícios, os quais serão doados simultaneamente à população em risco de segurança alimentar e nutricional. Em 2009, o governo Federal instituiu a Lei federal nº 11.947/2009, a qual exige que pelo menos 30% do valor repassado pelo Ministério da Educação para compra de merenda escolar seja adquirido de produtos produzidos pela agricultura familiar, dando prioridade para os grupos organizados em cooperativas ou associações e ainda com preferência para aqueles empreendimentos locais. Com o apoio destas politicas públicas de fomento, reservou-se esta parcela do mercado para os produtos oriundos da agricultura familiar. Porém, para que isso fosse possível, era necessário que os agricultores familiares estivessem organizados em cooperativas. Para que isso ocorresse, seria necessário que houvesse entidades de apoio que fomentassem esta atividade.

Photo of Alexandre Leripio

Olá @Mouhamadou . Obrigada pelo seu comentário! Nós iniciamos o Sumá pensando justamente no atendimento as políticas públicas envolvendo a Alimentação Escolas e Institucional, no entanto, devido ao longo ciclo de negociações para utilização da plataforma com esses órgãos, estamos atuando diretamente com o mercado privado, como hotéis e restaurantes que apresentam as mesmas dificuldades em se conectar diretamente com agricultores familiares. Nosso propósito é aumentar a renda dos agricultores e fornecer alimentos mais frescos e a preço justo para os compradores.