Por um mundo mais sorridente e trabalhador.

Pretendo combater a solidão dos idosos em bairros sociais capacitando os jovens desempregados para serem líderes comunitários em atividades

Photo of Joana Ferreira
8 18

Written by

A que faixa etária pertences?

  • Tenho entre 13 e 17 anos

Termos e Condições Desafio Gulbenkian 25 sub 25

  • Sim, li e estou de acordo

Consentimento Para Menores de 18 Anos

  • Confirmo que enviei os dados pelo link.

Lista de verificação de elegibilidade

  • Na Ashoka, definimos agente de mudança como qualquer pessoa que se põe em acção para responder a um determinado problema, activa outros, e trabalha no sentido de encontrar soluções para o bem de todos. Se te consideras um(a) jovem agente de mudança assinala esta caixa.
  • Terás entre os 13 e os 25 anos em 7 de Outubro de 2020.
  • A tua ideia será implementada em território português.
  • Confirma que dás o teu consentimento para que possamos dar visibilidade ao teu projeto e percurso neste desafio, nas redes sociais.
  • Confirma que tens o direito de usar ou partilhar qualquer conteúdo que tenhas colocado neste formulário de candidatura.
  • Se tens menos de 18 anos, confirma que tens autorização dos teus pais ou encarregados de educação para participar neste desafio, através do formulário enviado por email, assinado.

Em que projeto das Academias Gulbenkian do Conhecimento estás a participar?

  • ASSOCIAÇÃO JUVENIL TRANSFORMERS

Qual o mês e ano em que nasceste?

01-2005

Com que género te identificas?

  • Feminino

Nas próximas nove perguntas irás apresentar a tua Ideia Criativa e Transformadora! 1. O Problema: Qual o problema que estás a contribuir para resolver?

Combate ao isolamento dos seniores e ao nível de desemprego em bairros sociais 

O país no futuro vai ter mais reformados do que população ativa e tendo a fazer que eles se sintam bem consigo mesmos, para evitar a tristeza que possam sentir.

Tem, também, muitos desempregados que podem ter jeito para diversas áreas de trabalho e que não aproveitam, pretendo assim ajudar a encontrar os seus gostos a nível de trabalho.

2. Motivação: O que te motivou a querer resolver este problema?

Vejo muita gente que abandonam os idosos pois têm muito trabalho ou porque não querem saber, muitos acabam por se sentir sozinhos e quero evitar que isso aconteça. Ao nível do desemprego em bairros sociais há pessoas que pensam que não são capazes de fazer algo na área de trabalho e com algumas atividades podem despertar o interesse por alguma área.

Decidi trabalhar com as duas faixas etárias pois conheço amigos que não dão valor aos seus avós. Quanto aos desempregados, conheço a mãe de um amigo meu que não sabe o que gosta e parece que nada é do seu agrado então pretendo evitar isso em mais famílias e ajudar na indecisão.

3. A tua Solução: Como é que estás a planear resolver este problema?

Capacitação de líderes comunitários de bairros sociais em situação de desemprego para um trabalho de intervenção com idosos do mesmo contexto. 

Com isto quero dizer, fazer atividades de equipa onde há um líder (o líder é variado) com o objetivo de os idosos também participarem para terem um passatempo e arranjar amigos de várias idades. Quanto aos desempregados pretendo que desenvolvam a capacidade em áreas de trabalho.

Ajudo assim duas faixas etárias os adultos e os seniores.

4. O Factor X: O que é que a tua ideia tem de diferente, em relação a outros programas ou soluções que já existem?

Acho que muita gente pensa mais no bem estar dos jovens e é uma ideia divertida e diferente para os seniores

5. Vais trabalhar em equipa? Se sim, coloca o nome e email dos restantes membros na linha em branco.

  • Não

6.1. Em que distrito resides?

  • Distrito do Porto

6.2 E em que cidade, vila ou aldeia resides?

Cidade do Porto

7.1. Onde esperas implementar o projeto?

  • Distrito do Porto

7.2. Em que aldeia, vila ou cidade pretendes implementar o projeto? Porquê aí?

Cidade do Porto em bairros sociais perto da freguesia de Paranhos pois conheço pessoas lá que são amigáveis e dispostas para tudo

8. Impacto esperado: qual a mudança que esperas que a tua ideia provoque nas pessoas que vai servir?

Penso que as pessoas vão se sentir mais felizes e menos sozinhas, sabem que têm sempre alguém com quem conversar sem ser um psicólogo, uma pessoa íntima. 

Ajuda também a melhorar a relação das pessoas 

9.1. No último ano, fizeste algo para responder a um problema social ou ambiental, no teu contexto?

  • Sim

9.2. Qual das seguintes afirmações descreve melhor o tipo de iniciativa que tiveste?

  • Apoiei uma campanha ou movimento, já existente, de outra pessoa, ou reagi diretamente ao problema perto de mim. Exemplos: Assinei uma petição, juntei-me a um protesto ou manifestação, ensinei a língua local a refugiados, fiz voluntariado numa casa de acolhimento para sem-abrigo, doei comida/roupa aos sem-abrigo, etc.
  • Trouxe uma ideia ou movimento que já existia para a minha família, comunidade, escola ou empresa. Exemplos: Encorajei amigos/família a começar a reciclar, instalei baldes do lixo para reciclagem na comunidade local, comecei um clube para ensinar raparigas a escrever código no computador, liderei campanhas para informar eleitores, organizei um workshop ou evento comunitário sobre um tema que me preocupa/move, etc.

9.3. Estás a apoiar outros a serem agentes de mudança de alguma das formas aqui descritas?

  • Fazendo mentoria
  • Dando aulas

10. Se um amigo ou colega te motivou a participar, escreve aqui o seu nome e email.

Movimento Transformers

11. Edição de Ideias // Definição de Pressupostos

Em anexo

12. Edição Ideias // Plano para de Ação para Validação de Pressupostos

Em anexo

13. Depois deste tempo a validar os pressupostos que definiste, queres alterar o problema, a solução, o factor X ou qualquer outro ponto da ideia que inicialmente propuseste?

  • Sim

13. a) Quero alterar os seguintes elementos:

  • Solução
  • Ver anexo

13 b) PROBLEMA - reformulação

Primeiro de tudo estava a escrever possíveis pressupostos, depois chegou a altura de os testar. Comecei num bairro social a fazer algumas perguntas e a explicar em que o projeto consistia mas não havia nenhum interesse da parte deles, não percebi se foi porque preferem estar em casa ou na rua a falar com as pessoas, ou se eles não perceberam o que eu tinha dito.

13. e) OUTRAS ALTERAÇÕES / DESCOBERTAS

Foi uma aprendizagem pois nem tudo corre bem à primeira. Confesso que comecei a ficar um pouco preocupada até falar com a minha mentora e a dona Ana que me encaminharam para falar com duas experientes em projetos do género para me ajudar. Decidi que o melhor a fazer era ir a um centro de dia, o único porém foi que eu não podia fazer nada devido à situação em que estamos. Finaliza assim a primeira parte do projeto e depois é marcar reuniões e continuar!

8 comments

Join the conversation:

Comment
Spam
Photo of Marta Santos
Team

Penso que em tempo de pandemia é difícil implementar esta ideia mantendo a segurança de todos, especialmente das pessoas que se encontram no grupo de risco. No entanto, quando a pandemia terminar acho que é uma boa ideia!

Spam
Photo of Inês Leal
Team

Olá Joana! Sem dúvida importante capacitar os desempregados com outras ferramentas ou "despertá-los" para outras atividades que podem nem estar tão recetivos e nas quais possam vir a descobrir pontos fortes. Penso que esta iniciativa poderá ser uma fonte de autoconhecimento dos desempregados e de criação de novos empregos no futuro.
Já pensaste como seriam as atividades em equipa de forma aos desempregados conhecerem diferentes áreas? E que atividades os idosos de hoje estariam recetivos em participar?
Eu já realizei algumas atividades com idosos. Caso tenhas interesse podemos trocar algumas ideias em conjunto, que te poderão ajudar na construção do teu projeto. Votos de sucesso!

Spam
Photo of Joana Ferreira
Team

Adoraria! ��

Spam
Photo of Catia Godoroja
Team

Antes de mais parabéns pela iniciativa, tem tudo para ser bem sucedido. Boa sorte :)

Spam
Photo of Antonio Cardoso
Team

É louvável haver jovens que pensem assim como a Joana!
votos de boa sorte

Spam
Photo of Keveni Fernandes
Team

Parabéns Joana, projeto bastante inspirador.

Spam
Photo of Catarina Araújo
Team

Adorei a ideia.
O meu projeto também está direcionado para a população mais idosa e achei interessante incluíres os desempregados como agentes de mudança! Quem sabe não possas também incluir os sem-abrigo por forma a promoveres a sua inclusão nessa ação social tão bonita :)

Spam
Photo of Joana Ferreira
Team

Obrigado pela sugestão e pelo elogio!!