Musicalds

Compor Canções para Combater a Desinformação

Photo of José Carlos Monteiro Dias
7 23

Written by

A que faixa etária pertences?

  • Tenho entre 18 e 25 anos

Termos e Condições Desafio Gulbenkian 25 sub 25

  • Sim, li e estou de acordo

Lista de verificação de elegibilidade

  • Na Ashoka, definimos agente de mudança como qualquer pessoa que se põe em acção para responder a um determinado problema, activa outros, e trabalha no sentido de encontrar soluções para o bem de todos. Se te consideras um(a) jovem agente de mudança assinala esta caixa.
  • Terás entre os 13 e os 25 anos em 7 de Outubro de 2020.
  • A tua ideia será implementada em território português.
  • Confirma que dás o teu consentimento para que possamos dar visibilidade ao teu projeto e percurso neste desafio, nas redes sociais.
  • Confirma que tens o direito de usar ou partilhar qualquer conteúdo que tenhas colocado neste formulário de candidatura.

Em que projeto das Academias Gulbenkian do Conhecimento estás a participar?

  • ASSOCIAÇÃO UNIVERSIDADE -TECMINHO - B-Side

Qual o mês e ano em que nasceste?

Jun-1999

Com que género te identificas?

  • Masculino

Website ou perfis de redes sociais

https://www.facebook.com/zecadias6 https://www.linkedin.com/in/zecadias6/

Nas próximas nove perguntas irás apresentar a tua Ideia Criativa e Transformadora! 1. O Problema: Qual o problema que estás a contribuir para resolver?

Um provérbio antigo diz: "Não é bom a pessoa não ter conhecimento".

Quando não temos informações verdadeiras, tomamos más decisões. Se acreditarmos em tudo o que ouvimos, em vez de procurarmos a verdade, vamos acabar por julgar as pessoas de maneira errada.

O problema que quero combater é o populismo e a desinformação que, por sua vez, fazem com que exista muito preconceito




2. Motivação: O que te motivou a querer resolver este problema?

Quando comecei a ouvir, tocar e compor música de países cuja cultura eu tinha um certo preconceito (sentia que eram menos inteligentes), todo o meu preconceito transformou-se em admiração. 

A música que ouvimos no nosso dia a dia influencia muito os nossos pensamentos, sentimentos e motivações, embora, na maior parte do tempo, nem nos apercebamos disso (Arquivos do MUDI, v 18, n 2, p 47-62). Com base nessa realidade, quero usar a música e o meu amor por ela para combater o populismo, a desinformação e ,por sua vez, o preconceito. 



3. A tua Solução: Como é que estás a planear resolver este problema?

Criar uma Escola de Composição de Canções para combater a desinformação (nomeadamente sobre o populismo, a desinformação e o preconceito).

Transmitir conhecimento de forma prazerosa, suave e divertida. Nas letras das canções estarão o conhecimento e na música o prazer.

Ensinar composição musical a pessoas de todas as idades, inclusive a pessoas que pertencem a organizações de carácter humanitário, divulgando as suas criações.



4. O Factor X: O que é que a tua ideia tem de diferente, em relação a outros programas ou soluções que já existem?

Quem é que não gostaria de saber compor uma música? É uma ideia que intuitivamente fascina muitas pessoas, ainda por cima sabendo que vão usar a sua habilidade para combater desafios sociais. É uma ideia inédita e apenas é necessário ter uma noção básica de música.

5. Vais trabalhar em equipa? Se sim, coloca o nome e email dos restantes membros na linha em branco.

  • Sim

6.1. Em que distrito resides?

  • Distrito de Braga

6.2 E em que cidade, vila ou aldeia resides?

Vizela

7.1. Onde esperas implementar o projeto?

  • Distrito de Braga

7.2. Em que aldeia, vila ou cidade pretendes implementar o projeto? Porquê aí?

No Distrito de Braga quando em formato presencial (é uma zona com muito potencional por ser jovem e dinâmica e é onde os membros do grupo se concentram). Todo o Portugal (também possivelmente outros países) quando em formato online.

8. Impacto esperado: qual a mudança que esperas que a tua ideia provoque nas pessoas que vai servir?

Nos participantes, a Escola de Composição de Canções para combater desafios sociais vai ter um impacto direto porque eles terão de: (1) obter conhecimento exato para depois escrever sobre isso (combatendo o populismo e a desinformação); (2) abrir a mente para novos estilos musicais (inclusive de culturas em que possa haver preconceito); (3) dedicar tempo para compor (o que vai fazer com que não sintam tanta necessidade de passar tempo nas redes sociais). 

Nos ouvintes, que vão ser influenciados pelo conteúdo das músicas divulgadas, o alcance será maior, promovendo a paz e coesão social.



9.1. No último ano, fizeste algo para responder a um problema social ou ambiental, no teu contexto?

  • Sim

9.2. Qual das seguintes afirmações descreve melhor o tipo de iniciativa que tiveste?

  • Apoiei uma campanha ou movimento, já existente, de outra pessoa, ou reagi diretamente ao problema perto de mim. Exemplos: Assinei uma petição, juntei-me a um protesto ou manifestação, ensinei a língua local a refugiados, fiz voluntariado numa casa de acolhimento para sem-abrigo, doei comida/roupa aos sem-abrigo, etc.
  • Trouxe uma ideia ou movimento que já existia para a minha família, comunidade, escola ou empresa. Exemplos: Encorajei amigos/família a começar a reciclar, instalei baldes do lixo para reciclagem na comunidade local, comecei um clube para ensinar raparigas a escrever código no computador, liderei campanhas para informar eleitores, organizei um workshop ou evento comunitário sobre um tema que me preocupa/move, etc.

9.3. Estás a apoiar outros a serem agentes de mudança de alguma das formas aqui descritas?

  • Juntando pessoas
  • Dando aulas
  • Dando formação
  • Contando histórias /Usando os Meios de Comunicação
  • Ligando pessoas/grupos que de outra forma não se conectariam

10. Se um amigo ou colega te motivou a participar, escreve aqui o seu nome e email.

Felicidade Barros: felicidade.barros.8@gmail.com Carolina Pereira: carolina.r.pereira98@gmail.com Catarina Gomez: catarinagomez01@gmail.com Gonçalo Faria: gfaria7@gmail.com Joana: joanavelosofernandes315@gmail.com Marina: marinaouteiro18@gmail.com José Pedro: zepedro97f@gmail.com Cátia: catiamagalhaes8@gmail.com Paulo Silva: paulo.silva.g@gmail.com

11. Edição de Ideias // Definição de Pressupostos

Abaixo e em anexo

12. Edição Ideias // Plano para de Ação para Validação de Pressupostos

PDF em Anexo

13. Depois deste tempo a validar os pressupostos que definiste, queres alterar o problema, a solução, o factor X ou qualquer outro ponto da ideia que inicialmente propuseste?

  • Não

13. e) OUTRAS ALTERAÇÕES / DESCOBERTAS

O processo de validação de pressupostos veio a clarificar e dar-nos ainda mais certeza que este projeto deve acontecer. Em anexo, segue-se um arquivo com a descrição das conclusões desse processo.

7 comments

Join the conversation:

Comment
Spam
Photo of Old Friend
Team

How amazing your information is very detailed and useful to me, thank you for sharing. If you are looking for a promotion to your current job or are considering a career change, mastering typing skills can qualify you for a new role. The faster you are at the computer-based writing tasks, the more valuable you are to your employer. At the same time, typing skills can open up career avenues you may not have considered before. Learn more about jobs that require typing skills. You can reach my article on 5 Touch Typing Tips For Students. Visit my site here : https://telegra.ph/5-Touch-Typing-Tips-For-Students-Lessons-That-Work-06-03

Spam
Photo of Keveni Fernandes
Team

Boa ideia, visto que a musica é uma boa forma de unir as pessoas. Boa sorte!

Spam
Photo of José Carlos Monteiro Dias
Team

Obrigado pelas palavras Keveni. Não há dúvida que a música une as pessoas!

Spam
Photo of Paulo Silva
Team

Parabéns, Ó Zé :) e Carolina e Felicidade. Que belo projeto! É música para os meus sentidos!

Spam
Photo of José Carlos Monteiro Dias
Team

Obrigado pelo encorajamento e motivação Paulo!

Spam
Photo of Inês Leal
Team

Olá José, Felicidade e Carolina!
Muito interessante a ideia da criação de uma escola para combater a desinformação através da música, visto que as músicas irão fora de portas e poderão ser ouvidas noutros contextos. Sabendo que o subconsciente grava tudo o que ouvimos, é uma ideia com potencial de sensibilização da população em geral.
Parabéns! :)

Spam
Photo of José Carlos Monteiro Dias
Team

Muito obrigado pelo teu comentário Inês :)
É, de facto, objetivo deste projeto combater a desinformação, que é um dos principais motivos para existir tanto preconceito.