Turismo Sustentável em Comunidade Ribeirinha na RDS Rio Negro

Desenvolvimento das famílias tradicionais

Photo of Pousada Garrido
9 11

Written by

Nome completo do(a) representante do projeto

Roberto Brito de Mendonça

E-mail

pousadadogarridotumbira@gmail.com

Nacionalidade

Brasileiro

Gênero

  • Masculino

Data de Nascimento

9071975

Sede da organização (UF)

  • Amazonas

Site da organização

Não tem

Mídias sociais da organização

Facebook: Pousada Garrido Instagram: @pousadadogarrido

Data em que você iniciou o projeto

11/2011

Estágio do projeto

  • Em crescimento (passaram das primeiras atividades; trabalhando para o próximo nível de expansão)

Elegibilidade I: Você atende a todos os critérios de elegibilidade?

  • Sim, eu tenho mais de 18 anos de idade.
  • Sou brasileira/o ou estrangeira/o residente no Brasil.
  • Tenho atuação direta e comprovada no projeto.
  • Não sou funcionário nem familiar de funcionários da Ashoka e da CTG Brasil.

Elegibilidade II: O projeto inscrito:

  • É um projeto já implementado e posso comprovar nas respostas, fotos e documentações a serem apresentadas nesta inscrição..
  • É um projeto que tem como foco pelo menos dois (2) dos quatro (4) pilares do turismo sustentável (social, cultural, ambiental e econômico) descritos na seção "Escopo e áreas de foco".

Ao se inscrever, você concorda que possamos apresentar seu trabalho nas mídias sociais e outras publicações da Ashoka e CTG Brasil, relacionadas ao Desafio?

  • Sim, eu concordo.

1) Viagem pessoal: qual a história por trás da decisão em iniciar este projeto?

Em 2008, foi criada a RDS Rio Negro, e começou a se falar a respeito da melhoria na qualidade de vida dos moradores da RDS, foi então que surgiram novas perspectivas de vida. Em 2009, com as novas perspectivas de vida econômica na comunidade do Tumbira, eu Roberto e minha esposa Nádia Lúcia, assumimos a administração da casa que meu sogro construiu na comunidade e a transformamos em uma pousada. O negócio deu certo e desde então, não voltei a trabalhar na floresta cortando madeira. Me tornei um defensor da floresta e abri uma MEI no ramo de Pousada, Restaurante e Transporte fluvial. Busco mostrar para meus turistas a importância de se preservar a floresta Amazônica, sobre o que a floresta tem a nos ensinar e com isso mostrar minha experiência de ter trabalhado como madereiro e hoje ter uma outra visão, e tirar meu sustento sem desmatar. Hoje sou referência em Turismo de Base Comunitária, e consigo gerar renda para as famílias da minha comunidade e das comunidades vizinhas.

2) O problema: que problema você está ajudando a resolver?

Comecei a trabalhar cedo na extração de madeira ilegal de pequeno porte, porque era de onde as famílias daquela época tiravam seu sustento. E hoje com o trabalho que desenvolvo de turismo em base comunitária, ajudo a economia local (artesanato, comércio, agricultura familiar, outros atrativos) e desenvolvo a educação ambiental, mudando a realidade de vida de pessoas que ainda não tinham perspectivas de renda, que hoje se tornou melhor e não agride a natureza

3) Sua solução: como seu projeto responde a esse problema? Compartilhe sua abordagem específica.

Meu trabalho vem tendo cada vez mais visibilidade, pois posso mostrar e contar minha história, e como o turismo me transformou. Eu amo mostrar a floresta Amazônica e dizer que ela me ensinou a ter respeito e a preservar para que tenhamos uma vida melhor. E com essa iniciativa, consigo gerar mais trabalho para os moradores da comunidade, e ainda dividir com comunidades vizinhas. Influenciando novas pessoas a desenvolver o turismo de base comunitária, pois veem que dá certo e que podemos preservar a natureza para as novas gerações. Com isso, também já ensina nossas crianças a importância da natureza, e que podemos viver sem desmata-la. Aos nossos turistas temos como prioridade mostrar os encantos da Amazônia,contar as histórias e lendas dos antepassados, que cruzam gerações. Hoje vejo que meu empreendimento é pequeno para a demanda que estamos tendo atualmente. O espaço do restaurante tornou-se pequeno para atender grupos com mais de 20 pessoas, que vem, muitas vezes, apenas para conhecer a Amazônia. Com isso precisamos ampliar nosso restaurante para que possamos oferecer um bom atendimento, e assim poder trazer mais pessoas. Sempre lembrando aos turistas que existe vida dentro do "mato" e que essas vidas importam muito para quem vem e para quem é daqui.

4) Que tal incluir um vídeo sobre sua iniciativa?

O turismo sustentável é importante tanto para economia local quanto para a preservação da Amazônia, o impacto é positivo, pois com esse trabalho podemos ver o quanto a preservação da fauna e da flora é importante para o desenvolvimento do mundo.

5) Atividades: Destaque as principais atividades que você realiza no dia-a- dia do seu projeto.

Quando recebemos visitantes, queremos que eles se sintam à vontade, gostamos de mostrar a vida ribeirinha que sempre enriqueceu a cultura local, oferecendo atividades para que possam experimentar como é a vida do ribeirinho. Na Pousada do Garrido, nos temos as seguintes atividades e passeios turísticos: Vivência na floresta Passeio noturno Passeio de canoa no Igapó Apresentação dos processos da produção de farinha de mandioca Passeio no Arquipélago de Anavilhanas Pescaria Artesanal Banho de Praia Trilhas diversas ( Fluvial e Terrestre) Observação de Pássaros Oficina de Artesanato Acampamento em Praia Privada

6) Inovação: Qual inovação sua iniciativa está desenvolvendo ou adaptando para solucionar problemas na área do turismo? Como se diferencia de outras iniciativas no setor?

Buscamos fazer o turismo não predatório, usando os conhecimentos dos cablocos da região, buscando maior contato com o visitante para que se sinta avontade na natureza.

7) a) Pilares do Turismo sustentável: Quais dos seguintes pilares do Turismo Sustentável o seu projeto contempla?

  • Social - iniciativas que melhorem a qualidade de vida das comunidades envolvidas, que sejam capazes de contribuir em aspectos da educação, saúde, articulação social, diversidade e atuação das comunidades.  
  • Cultural - iniciativas que valorizem as identidades e culturas locais, a preservação das histórias e os saberes tradicionais.  
  • Ambiental - iniciativas que reduzam o impacto ambiental, que ofereçam soluções de compensação, que cuidem da conservação e do uso de recursos naturais, que se proponham a regenerar áreas degradadas e que promovam educação e sensibilização ambiental.     
  • Econômico - iniciativas que atuem a partir da proposta de desenvolvimento local, que gerem emprego e renda localmente, que valorizem fornecedores locais, que construam parcerias e que fortaleçam redes de produção e serviços junto a outros agentes locais.  

7) b) Pilares do Turismo Sustentável: explique como os pilares que sinalizou na pergunta anterior estão presentes na implementação do seu projeto.

O projeto atende os pilares pois trabalhamos com turismo em uma comunidade ribeirinha no meio da floresta. Como nosso trabalho envolve a floresta, por isso precisamos preservar o meio ambiente, valorizando a cultura local e respeitando a mata, nossos visitantes experienciam tudo isso, nossa cultura e costumes, fazemos eventos sociais permitindo que possam ter essa troca de conhecimento.Todas essas trocas e experiencias, com visitantes e turistas, geram renda para a comunidade.

8) Impacto: quais impactos seu projeto causou até agora? Considere impactos internos na estabilidade da sua organização e externos em relação ao pilares do turismo sustentável, utilize dados

Com o trabalho que desenvolvo tive melhorias financeiras e pude oferecer uma vida melhor aos meus filhos, permitindo que pudessem continuar seus estudos. Nossa renda é 95% do turismo. Externamente gero renda diretamente para 20 pessoas, incluindo familiares, e indiretamente para cerca de 10 pessoas que prestam serviço e outras que vendem produtos.

9) Estratégias de crescimento: Quais são seus planos para fomentar o crescimento de sua iniciativa?

Tenho um projeto de construir um novo restaurante para poder atender melhor os visitantes. Com dimensão de 120m², construção mista (madeira e alvenaria). Com esse novo espaço podemos fechar mais parcerias com escolas oferecendo mais conforto.

10) Colaboração: como a sua iniciativa colabora com outros atores (governos, universidades, empresas, associações da sociedade civil) para fazer a diferença? Você realiza alguma parceria?

Por estarmos dentro de uma Unidade de Conservação e Sustentabilidade, temos grande influencia no trabalho que fazemos e estamos em parceria com os órgãos gestores, ajudando na preservação e controle do crescimento.

11) Inspirar novos agentes de transformação: você tem influenciado outras organizações e pessoas a se envolverem no seu projeto e/ou a se preocuparem com o Turismo Sustentável? Se sim, como?

Como o turismo sustentável em base comunitária pude influenciar pessoas a fazerem artesanato de matéria prima reciclável, matéria que antes era tida como lixo que os artesões viram que podiam trabalhar em cima da matéria e transforma-lá em artesanato e que hoje podem vender e tirar seu sustento.

12) a)Quais dos seguintes recursos sua organização obteve até o momento?

  • Apoio da família
  • Vendas

12) b) Planejamento Financeiro: como você planeja financiar o seu projeto a curto, médio e longo prazo?

Planejo financiar meu projeto a longa prazo, dando suporte de 10% com a estrutura que já tenho, outros 10% com doações, e restante buscar em financiamentos e editais.

12) c) Quanto você já investiu no seu projeto para a operação deste ano?

  • Investimento entre R$10.000 e R$50.000

12) d) Qual é o orçamento necessário para o funcionamento do seu projeto durante 1 ano?

  • acima de R$ 50.000

13) Equipe: qual é a atual composição da sua equipe (papéis, qualificação, tempo integral x temporários, etc)? Como essa composição se transformará no futuro do seu projeto?

A equipe atual e formada por 9 pessoas diretamente, que são distribuídas para serviços diversos que são cozinheiro, auxiliar de cozinheiro, serviços gerais, camareira, guia de trilha, canoeiros. Futuramente pretendo aumentar o quadro de colaboradores, tendo em vista que com o aumento do espaço poderei atender grupos maiores sendo necessário o aumento da mão de obra local. A carga horaria de serviços depende da permanência de cada grupo e serviços contratados.

14) Diversidade na equipe: descreva a diversidade de sua equipe e inclua informações sobre a distribuição de cargos.

A diversidade da equipe varia entre jovens e adultos de 60 anos, e a atuação de cada um depende do conhecimento e experiência em desenvolver os serviços necessários.

15) a) Diversidade do público de sua iniciativa: o seu projeto tem como foco específico algum dos seguintes grupos?

  • Comunidade LGBTQIA+
  • Comunidade rural
  • Comunidade indígena
  • Comunidade quilombola
  • Outra Comunidade Tradicional
  • Todos os públicos que se enquadram no perfil de sustentabilidade.

15) b) Diversidade de público da iniciativa: Dê exemplos reais de como o seu projeto está conseguindo impactar todos os grupos que você indicou na pergunta anterior.

Busco incluir jovens para que tenham maior interrese em continuar esse legado de preservação, somos todos povos tradicionais (ribeirinhos).

16) Como você soube desse desafio?

  • Recomendado por outras pessoas

Evaluation results

12 evaluations so far

1. IMPACTO: Esta iniciativa demonstra impacto relevante, e com evidências quantitativas e qualitativas?

Com toda certeza. - 25%

Sim, há evidências quantitativas e qualitativas de seu impacto na comunidade. - 50%

De forma parcial. - 8.3%

Não, há pouca evidência de resultados de impacto. - 16.7%

Não. - 0%

2. INOVAÇÃO: Esta iniciativa desenvolveu e implementou uma abordagem inovadora?

Com toda certeza. - 16.7%

Sim, tem características inovadoras. - 33.3%

De forma parcial. - 41.7%

Não, há pouca evidência demonstrada. - 8.3%

Não. - 0%

3. PLANEJAMENTO FINANCEIRO E OPERACIONAL: A iniciativa tem como base um modelo de negócio viável e mostra planos realistas de longo prazo para a sustentabilidade financeira?

Com toda certeza. - 8.3%

Sim, a iniciativa tem um bom modelo de negócio. - 25%

De forma parcial. - 41.7%

Insuficiente. - 16.7%

Não. - 8.3%

4. REPLICABILIDADE & CRESCIMENTO: Avalie a escalabilidade da iniciativa. Ela tem potencial de ser replicada em outros contextos sociais, culturais e/ou geográficos?

Com toda certeza. - 16.7%

Sim, a iniciativa demonstra potencial. - 58.3%

De forma parcial. - 8.3%

Insuficiente. - 16.7%

Não. - 0%

5. AGENTES DE TRANSFORMAÇÃO: Uma/um agente de transformação social é alguém que se propõem a lidar e encontrar soluções coletivas para o bem de uma comunidade, um grupo, uma localidade. Queremos saber: essa iniciativa ajuda a inspirar e apoiar outras pessoas a se tornarem agentes de transformação em suas comunidades?

Com toda certeza. - 45.5%

Sim, a iniciativa demonstra potencial. - 45.5%

De forma parcial. - 0%

Insuficiente. - 9.1%

Não. - 0%

6. DIVERSIDADE: Esta iniciativa demonstra a inclusão de públicos diversos em sua iniciativa, seja nos parceiros com os quais colabora e/ou na composição de sua equipe?

Com toda certeza. - 16.7%

Sim, a iniciativa demonstra potencial. - 50%

De forma parcial. - 25%

Insuficiente. - 8.3%

Não. - 0%

7. AVALIAÇÃO GERAL: De forma geral, você considera que esta iniciativa deve avançar para a próxima fase do Desafio e se tornar um semifinalista?

Sim, com toda a certeza! - 25%

Sim, acredito que sim. - 41.7%

Talvez. - 25%

Provavelmente não. - 8.3%

Não. - 0%

9 comments

Join the conversation:

Comment
Spam
Photo of Diaspora.Black Da Silva Filho
Team

Diaspora.Black está à disposição para qualquer possibilidade de contribuir para o desenvolvimento deste belo trabalho.
Somos uma plataforma de venda de turismo de propósito e se fizer sentido, nos colocamos à disposição.
Grande abraço

Ei, já estava esquecendo de lhe pedir pra dar uma passada em nossa página e se curtir, pode comentar e avaliar, tá? rsrs
https://network.changemakers.com/challenge/turismosustentavel/inscricoes/diaspora-black-promovendo-a-transformacao-no-turismo-atraves-da-tecnologia-e-da-diversidade

Grande abraço

View all comments